sábado, 12 de novembro de 2016

All in na Bovespa


Ano passado eu já tinha feito uma escala que colocava o all in na bolsa em 39k. Pegou os 39k mas eu não tive coragem. Faz um tempão já que eu não aporto nada na bolsa e parece que agora começou a promoção. Essa é minha ideia:


58500 = 7,5K (90% de 65000)
55250 = 10K (85% de 65000)
52000 = 10K (80% de 65000)
48750 = 15K (75% de 65000)
45500 = ALL IN (70% de 65000)

O all in no caso seria tirar tudo que tem liquidez e passar pra bovespa. RF sem liquidez fica de fora.

O que acham? Maluquice? Mal escalonado? Comentem.

Btw, assisti denovo esse filme hoje, e no final das contas, é assim que as coisas funcionam:

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Resultados de outubro - Voando através dos 200k

Quanta grana cara!

Esse mês eu fiquei ansioso pra ver os resultados. Pelo fato dos R$200k estarem tão próximos e porque a bolsa novamente voou levando minhas ações junto. Algumas ações já passaram dos 100% de valorização desde que eu voltei a comprar no ano passado.
Minha carteira teve 17,87% de valorização no mês e está com 72% de valorização no geral considerando dividendos e JCP.
Carteira de ações
Resultados do mês



TOTAL: R$213654,42 (+7,9%)

domingo, 28 de agosto de 2016

O Vício dos Smartphones


Há algum tempo já vem me incomodando o tanto que as pessoas dão atenção aos smartphones.
Eu não tenho a mínima vontade de conversar com alguém quando a pessoa está no celular. Está faltando bom senso. Afinal, a tecnologia aproximou as pessoas?
Na minha opinião: "Aproximou quem está longe e distanciou quem está perto".
Você já esteve numa mesa com amigos e pegou o celular na mão simplesmente pq todo mundo estava com ele? Já teve vontade de ir embora achando que a "confraternização" era uma perda de tempo? Eu já.

Já foi em algum show ou jogo de futebol e viu gente gravando o show/jogo inteiro ao invés de curtir?
Gravar show cover de banda: Ninguém vai querer assistir o que você gravou.
Shows grandes: Vai ter uma gravação muito melhor que a sua, então pra que gravar?

Bom senso no uso pessoal, há coisas mais importantes (atenção, comida e dormir, como diria meu cachorro), e sua presença ausente pode estar incomodando as pessoas.

Abraço.


Exemplificando:

domingo, 7 de agosto de 2016

Resultados de Julho - Novo Topo


Mais um ótimo resultado. Simplesmente todas as ações da carteira valorizaram.

Eu já estou ficando receoso com tanta euforia pelo mundo. 
Títulos públicos com juros negativos são uma aberração na minha cabeça de brasileiro que ganha pelo menos 6% acima da inflação com títulos públicos. Isso leva os investidores a procurar o risco, e sustenta uma alta nas bolsas mundiais que vem desde 2009. BRexit não fez nem cócegas em todo esse otimismo.
Começa a bater a vontade de realizar lucro, mas vou manter a minha ideia inicial e não vender nada até as próximas eleições. Aportar na bolsa anda difícil, continuo fazendo novos aportes na RF.

Abaixo os resultados:

Total Patrimônio: R$ 189521,06 (+9,66%)


Rumo aos 200 mil!!!



quarta-feira, 27 de julho de 2016

Resultados de Junho!


Só para não passar em branco, segue resultado do mês de Junho. Um bom mês, de recuperação da carteira.


Total Patrimônio: R$ 172810,43 (+4,12%)

sexta-feira, 10 de junho de 2016

Resultados de Maio


Este mês não foi muito satisfatório em resultados, mas eu até esperava coisa pior.
Destaque para os dividendos de EZTC3, R$495.
Neste mês vai vencer o meu CDB de 7,4%+IPCA e ainda estou pensando onde aplicar essa grana. Já não está tão facil escolher.

Segue resultados:

Total Patrimônio: R$: 165960,40 (-2,8%)

domingo, 1 de maio de 2016

Fechamento Abril


Terceiro mês em sequência com desempenho extraordinário. Destaque para BRAP3 que voou novamente.

Não fiz nenhuma compra de ações neste mês, só em tesouro Selic. Já não vejo ações tão baratas quanto a 3 meses atrás e estou em compasso de espera.

Segue resultados abaixo.


Total Patrimônio: 170681,38 (+6,07%)

domingo, 3 de abril de 2016

Fechamento Março - VAI FOGUETÃO!!!!


Título digno de micão do ADVFN porque esse mês foi assim mesmo, as ações dispararam e minha carteira foi junto. Foi uma rentabilidade incrível.

Ações:

Como eu falei no último post, minha carteira virou pro verde, e ainda rendeu muito desde aquele post. Como tudo subiu muito rápido, até tentei, mas não consegui fazer todas as compras que eu queria. As compras do mês foram:



E a rentabilidade da carteira conforme abaixo:

36%!!! Mais que o dobro do Ibovespa que rendeu 16,67%.

Renda Fixa e Tesouro direto:

Tudo OK por aqui.

Outros: (Conta corrente, poupança, previdência): R$10349,60

TOTAL: R$160904,27 (+14,8%)

Passamos voando pela casa dos 150k pulando direto dos 140k pros 160k. Melhor mês da história e novo topo.


Pro alto e Avante!!!

quarta-feira, 9 de março de 2016

Carteira de ações no verde!

Carteira entrou no verde por um breve momento, bom registrar isso...
Booooom!!!!

A bolsa tem bombado nesse começo de mês, levando minha carteira pro verde neste momento.
Segunda feira fui fazer um novo aporte. Como loguei somente depois do mercado fechar, deixei as ordens de compra pra terça feira.
Olha que Zica.
BRAP3 coloquei ordem a 5,03. Comprei na máxima do dia.
GOAU3 coloquei ordem a 1,70. Mínima do dia: 1,71
CGRA4 coloquei ordem a 8,40. Mínima do dia 8,41

Continuo com o aporte por fazer. Vou tentar aguardar pra ver se vem uma realização mais forte, não seria nada mal fazer umas compras na casa dos 45k.

Quanto a carteira atual, está assim:

Segue meus pensamentos sobre a carteira:

BRAP3: A ação que mais aportei, mas ainda vou querer aportar mais um pouco pra frente. Ela é basicamente uma holding comprada em VALE3 e em menor proporção em CPFL. Mas o engraçado é que ela caiu bem mais que a própria Vale. Hoje, depois de descontada a dívida da bradespar, o valor de mercado das ações que ela detém é de 3,4BI. Porém seu valor de mercado é de apenas 1,3BI, tendo aí um desconto de 60,5%. Pra ter uma ideia esse desconto chegou a ser de apenas 9,4% em 2011. Confio no case da Vale que está concluindo o projeto S11D, e acho que o preço do minério não tem mais espaço pra baixa.

EZTC3: De longe a melhor construtora, zero de dívida, maior margem do mercado. Queria aportar com o preço mais baixo, mas parece que não vai ter jeito.

ABCB4: Banco médio, com crescimento consistente de lucros, P/L de 4,45 e 8,5% de DY no momento. Considero uma boa compra a se fazer.

CGRA4: Ação com pouca liquidez, mas uma ótima pedida. O valor de mercado dela é de apenas 208M sendo que ela tem 105M em caixa. PL de 4,23 enquanto um monte de varejistas estão dando prejuizo e estão alavancados.

BBAS3: Essa aqui disparou com o rali do impeachment. Ainda assim continua com um PL ridiculo. Só a participaão dela em CIEL3 e BBSE3 já valem mais que o valor de mercado atual da empresa.

POMO4: Marcopolo é bem gerida, mas o mercado está muito ruim e parece que ainda vai demorar pra melhorar. Dívida em nível OK, mas o lucro despencou. Não pretendo aportar novamente nela em um futuro próximo.

GOAU3: Essa ação é como se fosse o bilhete premiado da carteira. Das 3 siderúrgicas, a Gerdau é a que está em melhor situação, tanto de dívida, quanto de vendas fora do país. Se o mercado virar isso aqui tem potencial de valorizar demais. (Já chegou a custar mais de R$50 em 2008, não custa sonhar)

ETER3: Já foi uma ação defensiva que gerava altos dividendos. Agora parece que se perdeu, e os problemas com amianto não terminam nunca. Não pretendo aportar novamente nela em um futuro próximo.

TOTS3: Recebi no OPA da Bematech. Na verdade eu devia ter vendido BEMA3 antes do OPA, mas não me atentei a data e deixei passar. Vou deixar na carteira, mas não pretendo comprar mais.

ITSA4: Maior banco do Brasil, considerei uma boa compra. Mas acho que devia ter concentrado em BBAS (mais descontada) e ABCB4 (maior potencial de crescimento)

BBDC4: Mesma situação de ITSA4

CMIG3: Diversificação da carteira esta ação do setor elétrico tem a mão do governo nela. Apesar disso ainda tem bons indicadores fundamentalistas, PL baixo e bom DY, apesar que o lucro deve cair este ano.

É isso aí. Tem algumas outras ações que eu considero como Porto Seguro e Brasil Foods, mas não quero diversificar demais e acabar me perdendo com tanta coisa pra acompanhar, por enquanto vou só observando.

Até mais.

quinta-feira, 3 de março de 2016

Fechamento de Fevereiro



Enfim um mês que os investimentos renderam de verdade!!

Minha sensação ao ver minha carteira de ações no final do mês



Ações:

O mês começou com o IBOV na casa dos 40k. No final de Janeiro eu já tinha colocado na cabeça de fazer um aporte em ações se voltasse a ficar abaixo de 40mil pontos.
Comecei a vender LFT e transferir da CC para a corretora para poder comprar. No dia em que foram finalizadas essas transferências de fundos para corretora eu olhei o mercado de meio dia e a bolsa caia um pouco mais de 2%, estando abaixo de 40k. Decidi que ia comprar quando chegasse em casa. Quando cheguei a bolsa estava desabando mais de 4%, na casa dos 38k. Neste dia fiz as seguintes compras:


E terminei o mês com o seguinte resultado em ações: 

Tesouro direto:

Rendimento em linha com o esperado de uma aplicação de renda fixa.

Renda Fixa:

Pro alto e avante.

Outros (Conta corrente, poupança, previdência): R$10209,26

Total:
R$140158,74 (+4,22%)

Resultado final é o novo topo histórico do patrimônio. 

Resultado no fim do mês.







domingo, 7 de fevereiro de 2016

Estréia no blog - Fechamento de Janeiro



Primeiro post do blog!!

Já sou investidor há alguns anos, venho gravando o meu histórico a algum tempo, e acompanho alguns blogs, por isso resolvi criar o meu também. Estava sem ideia de nome, e foi esse mesmo.

Esse é o histórico desde que comecei a monitorar meus investimentos.

Neste momento estou gradualmente movendo meus investimentos novamente em direção a renda variável. Tem muitas ações em patamares muito baixos, e apesar de a economia brasileira estar indo cada vez mais pro buraco, acredito que o risco de se investir agora para o prazo de alguns anos não seja tão grande assim. Obviamente até o momento estou levando fumo nas ações, mas não me preocupa.

Ações:


Minha carteira final de janeiro tomou um fumo forte em relação a dezembro que já tinha sido ruim, mas vou seguir ampliando as compras em renda variável com estes valores.

Tesouro direto:


Rendimento excepcional graças as NTNB que apresentaram grande resultado este mês depois da queda da taxa da NTNB 2019

Renda Fixa:


Aqui é só alegria, sempre pra cima.

Outros:

Aqui entra conta corrente, poupança, saldo em corretora, minha parte na previdência, etc...
Coisas que fazem parte do patrimônio, mas eu não considero exatamente investimentos.